De que são feitas as moedas do Brasil?

Qual seria a composição de nosso dinheiro? O que faz as moedas serem tão resistentes? As moedas do Plano Real possuem em sua composição uma variedade de componentes químicos, entre eles estão: Ni, Aço (Fe + C), Bronze (Sn + Cu).

Veja agora a composição de cada moeda em particular:

Moeda de 1 centavo: composta por Aço e revestida com Cobre (Cu). Aço é uma liga de Ferro e carbono. (Hoje, a moeda está fora de circulação).

Moeda de 5 centavos: Em circulação desde 1998, as atuais moedas de 5 centavos são feitas  de aço revestido com cobre. No seu anverso a efígie de Joaquim José da Silva Xavier (1746-1792), que, condenado à forca em decorrência de sua participação no movimento pela independência, denominado Inconfidência Mineira, é hoje reverenciado como herói e patrono cívico da nação brasileira. Sua imagem está ladeada pelo dístico “Brasil” e por motivos alusivos à Inconfidência Mineira – o triângulo da bandeira dos inconfidentes, sobreposto por pássaro que representa a liberdade e a paz.

– Moeda de 10 centavos: As prateadas são feita de aço inoxidável (C + Fe + Ni). As amareladas é feita de aço revestido de Bronze (Cu +Sn). A moeda amarelada é similar a de 25 centavos e a Efígie é de Dom Pedro I (1798-1834), primeiro imperador do Brasil, ladeado pelos dísticos “BRASIL” e “PEDRO I”, e por cena alusiva à proclamação da independência do país, ocorrida em 7 de setembro de 1822.

– Moeda de 25 centavos: As prateadas são feita de aço inoxidável (C + Fe + Ni). As amareladas é feita de aço revestido de Bronze (Cu +Sn).  As moedas amareladas tem a Efígie de Manuel Deodoro da Fonseca (1827-1892), proclamador da República e primeiro presidente constitucional do Brasil republicano, ladeada pelas Armas Nacionais e pelos dísticos “BRASIL” e “DEODORO”.

 

– Moeda de 50 centavos: Inicialmente, a moeda era feita de cuproníquel. Mas, devido o aumento significativo no preço dos materiais utilizados na fabricação, o cuproníquel (liga de cobre e níquel) foi substituído por aço inoxidável, material utilizado nas moedas cunhadas a partir de 2002. Hoje a moeda é feita de aço inoxidável (C + Fe + Ni). As moedas de 50 centavos mais largas possuem a Efígie de José Maria da Silva Paranhos Júnior (1845-1912), Barão do Rio Branco, estadista, diplomata e historiador brasileiro, considerado o símbolo da diplomacia do Brasil, ladeada pelos dísticos “BRASIL” e “RIO BRANCO”, e por cena alusiva à dinamização da política externa brasileira no início da República e à consolidação dos limites territoriais com vários países.

 

– Moeda de 1 real: a composição desta moeda é única, ela possui um disco interno formado por uma liga de Cobre e Níquel e um disco externo composto por alpaca. Mas o que seria alpaca? Alpaca é uma liga metálica de Cobre, Níquel, Estanho e Prata: Cu + Ni + Sn + Ag.

Só por estas composições já se explica porque as moedas são mais resistentes do que as cédulas. As notas são feitas com papel especial e as moedas, como se viu, são compostas por metais e ligas metálicas, ou seja, as notas ficam velhas e se rasgam com facilidade e as moedas passam apenas por um escurecimento (oxidação).

Fonte: Banco Central do Brasil

2 opiniões sobre “De que são feitas as moedas do Brasil?”

  1. Helcio, isto pode estar relacionado a quantidade de ferro no material, pois para ser atraído por um ímã o material deve conter elementos paramagnéticos (como o ferro no caso). Esperamos ter ajudado!

  2. Uma curiosidade que tenho é que o aço inoxidável puro não é atraído por imãs e as moedas (todas) são atraídas fortemente.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s