Tags

, , ,

Decisão foi tomada após a votação de 40 membros do conselho. Trinta e seis votaram a favor da adesão integral ao Sisu, enquanto dois foram contra e dois se abstiveram

consu ufpe 2

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) decidiu, durante reunião na manhã desta quinta-feira (3), aderir integralmente ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do Ministério da Educação. Com isso, o tradicional vestibular da instituição, um dos mais concorridos do Estado e liderado pela Covest, deixa de existir já a partir deste ano. Para ingressar na UFPE, os feras terão apenas que fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e depois se inscrever no Sisu. Não haverá mais, nesse caso, prova de disciplina específica.

Reitores querem mudar os critérios de seleção do SISU

A decisão foi tomada após a votação de 40 membros do conselho. Trinta e seis votaram a favor da adesão integral ao Sisu, enquanto dois foram contra e dois se abstiveram.

No último vestibular, a UFPE ofereceu 6.607 vagas, distribuídas em 97 cursos no Recife, Vitória e Caruaru. Destas, somente 55 ufpevagas de dois cursos, oceanografia e estatística, estão no sistema. Na última edição do sistema, em janeiro deste ano, foram oferecidas 171 mil vagas em 4.723 cursos de 115 instituições públicas de educação superior. Na região Nordeste, apenas a UFPE, entre as universidades federais, não aderiu ainda integralmente ao Sisu.

O que não muda?

O único vestibular que deve ser mantido é o do meio do ano do Centro de Tecnologia e Geociências (CTG), que seleciona alunos para 12 cursos de engenharia. Com a aprovação no CTG, o estudante ainda passará um ano cursando disciplinas comuns a todos os cursos de engenharia da UFPE e depois, é que fará a escolha da área da Engenharia que quer seguir, a partir de sua nota e classificação geral neste período. Para o Curso de Bacharelado em Química também se mantém a terceira fase interna, após a aprovação no SISU e o Curso de Música, após a aprovação no SISU, o candidato passará por uma segunda fase, que consiste na prova prática do instrumento musical.

Fonte: JC Online; TV Clube.